domingo, 26 de novembro de 2017

GRADUAÇÃO EM TEATRO: VALE A PENA? MINHA RELAÇÃO DE AMOR E ÓDIO

Um dos assuntos que eu sempre quis falar aqui, mas que nunca tive a coragem de sentar e digitar; porque meus amores, é muita coisa. Talvez eu até divida o post em dois. 

Eu entrei no curso de Artes Cênicas - Licenciatura pela Universidade Federal em 2016.1 E partindo do princípio:


Por quê você escolheu Teatro?
Desde criança eu sabia que minha vocação era ser bobo-da-corte, não no mal sentido, e aliás não sei porque usam o termo como algo ruim. Fazer as pessoas rirem, esquecerem os problemas por alguns minutos, é isso que eu sei fazer. E é isso que eu gosto de fazer. Apesar de que quando mais uma noite chega e com ela a depressão eu apoio a cabeça no travesseiro e me pergunto como posso fazer as pessoas felizes se eu sou tão triste por dentro? Mas vai saber. Entrei pra fazer comédia, stand-up, essa é minha área.




Posso entrar na graduação em teatro sem nunca ter feito teatro?
Não só pode, como deve. Mais da metade das pessoas da minha turma não tinham história no teatro e foi lá onde elas se descobriram. Fato curioso: As pessoas que não tinham feito teatro nunca parecem se estabelecer no curso de forma mais firme do que as que já tinham alguma bagagem. 
Por quê você escolheu Licenciatura?
Na verdade, não escolhi não. A minha universidade só oferece essa "modalidade", então tive que encarar no pacote. Confesso que as cadeiras de educação são geralmente, eu disse geralmente, as mais chatas do curso. Existem as cadeiras de educação geral, que todos os curso de licenciatura fazem e que você pode estudar junto com alunos de física, por exemplo. E existem as cadeiras de educação focadas em teatro na escola. Apesar de um ter um pequeno e secreto ranço por crianças, não me levem a mal, as cadeiras de teatro na escola não foram tão ruins quanto pareciam no começo. E sobre as gerais, um delas chamada Psicologia do desenvolvimento na aprendizagem de crianças e adolescentes foi uma das que mais me marcaram no curso. 


É só decorar texto?
Eu devo ter respondido essa pergunta umas 567 vezes desde que entrei no curso, mas por incrível que pareça, não é só decorar texto. Inclusive em 2 anos de curso, só tive que decorar texto umas 3 vezes e foram textos minúsculos. 

É mais prático ou mais teórico? 
O curso é bem dividido entre teoria e prática, mas as cadeiras práticas são tão, mais tão, mais tão pesadas que é como se o curso fosse muito mais prático. 

Pesadas em que sentido?
É esforço físico, é muito exercício, muito suor (e muitas lágrimas), e MUITA dor. Eu acho que devo ter perdido a conta de quantas vezes eu saí de sala chorando com dor ou de quantas vezes eu fui chorar no banheiro por não ta aguentando a aula. Um professor uma vez me disse que teatro não é uma profissão saudável, e realmente não é. Você tem que se entregar 100% sem se importar se vai se machucar, ou se ferir.

Uma coisa que te irrita no teatro?
Não no teatro em si, mas em como o teatro é visto pelas pessoas e pelos próprios universitários de outros cursos. Foi o que falei acima, eles acreditam que é só decorar texto, mas isso não seria tão ruim se não tivesse o adicional também falado acima: O sofrimento físico. Então a gente sofre, sofre muito e ninguém se importa. As pessoas acham que passamos o dia brincando, que é um hobby, que é uma diversão. Ninguém vê a graduação em teatro como carreira séria e você precisa ter saúde mental pra encarar isso. A não ser que você more em SP ou RJ, onde o teatro é levado mais a sério. 


A melhor coisa de fazer graduação em teatro?
Pra mim, foi o meu crescimento como pessoa, o teatro não vai passar por você sem deixar pelo menos 17 marcas por ano. (Algumas sangram.) Em dois anos eu me tornei outra pessoa. (E garanto pra vocês que 100% melhor.) O teatro muda a forma como você vê as pessoas ao seu redor, muda a sua noção de coletividade, muda o seu jeito de falar, de se portar. Muda a sua postura e te faz ser mais atento pra não tropeçar na rua. Existem muitas outras coisas.

Eu sou tímido (a) e agora?
Se você tem certeza de que quer se jogar, eu te garanto que você vai superar a timidez. A princípio, você vai achar estranho o fato de que todo mundo faz coisas "estranhas" na frente do outro e ninguém olha de cara feia ou ri. E quando você nota isso, você também se sente capaz de fazer tudo que quiser fazer, porque dentro da sala prática ninguém vai te julgar.




Qual a duração do curso e o período?
O curso tem duração de 4 anos se você for um bom aluno e não reprovar cadeiras. Já se você for como eu, não tem previsão. Meu curso é integral tarde/noite. A maior parte das minhas aulas começa 13:30 às 17:30, então tem intervalo pro jantar e 18h às 22h tem outra aula. 

Gente, eu sei que existem outras 1390 perguntas que podem ser respondidas sobre o curso. Se você está em dúvida sobre fazer teatro e tem alguma dúvida especifica, deixa aqui nos comentários que eu vou responder tudinho. Espero que vocês tenham gostado e que possam ter tirado alguma coisa boa das minhas palavraaaas.
Beijos e até amanha!

Nenhum comentário:

Postar um comentário